JOSUÉ E CALEBE... Sem fé é impossível agradar a Deus! - 23/07/2017

Hoje é comum falar de fé, muitas vezes sem conceituação definida. Numa referência à fé bíblica, Jesus disse: “Se tiverdes fé como um grão de mostarda […] nada vos será impossível”. Como que para precisar esta frase ousada, encontramos na Bíblia muitos relatos sobre homens e mulheres cujas vidas ilustram a dimensão à qual Jesus se referia.

         Quando Moisés escolheu doze homens para espionar a terra de Canaã, Josué e Calebe estavam entre eles. “Depois de espionarem a terra quarenta dias, eles voltaram a Cades, no deserto de Parã, onde estavam Moisés, Arão e todo o povo de Israel. E contaram a eles e a todo o povo o que tinham visto e mostraram as frutas que haviam trazido da terra. Eles disseram a Moisés: 'Nós fomos até a terra aonde você nos enviou. De fato, ela é boa e rica, como se pode ver por estas frutas. Mas os que moram lá são fortes, e as cidades são muito grandes e têm muralhas.' Aí o povo começou a reclamar contra Moisés, mas Calebe os fez calar e disse: 'Vamos atacar agora e conquistar a terra deles; nós somos fortes e vamos conseguir isso!' Porém os outros que tinham ido com ele espalharam notícias falsas entre os israelitas a respeito da terra que haviam espionado. Então, naquela noite, todo o povo gritou e chorou. Todos os israelitas reclamaram contra Moisés e Arão e disseram: 'Seria melhor se tivéssemos morrido no Egito ou mesmo neste deserto!' E diziam uns aos outros: 'Vamos escolher outro líder e voltemos para o Egito!' Josué e Calebe rasgaram as suas roupas em sinal de tristeza e disseram ao povo: 'A terra que fomos espionar é muito boa mesmo. Se o Deus Eterno nos ajudar, ele fará com que entremos nela e nos dará aquela terra, que é rica e boa para plantar. Porém não sejam rebeldes contra o Eterno e não tenham medo. O Eterno está com a gente. Portanto, não tenham medo.' Apesar disso o povo ameaçou matá-los a pedradas.” Por isso  Deus não permitiu que algum deles viesse a viver na terra de Canaã, exceto Josué e Calebe.

         Assim o povo sofreu as consequências de sua falta de fé e vagou pelo deserto por décadas, enquanto a geração rebelde foi se extinguindo. De milhares de homens que saíram do Egito, apenas Josué e Calebe entraram em Canaã. Deus honrou sua fé, contudo, mesmo assim, passaram anos no deserto com o seu povo. Hoje vivemos situações análogas. Vemos terras prometidas e experimentamos seus frutos. Porém, ao invés de confiar em Deus em todas as circunstâncias da vida e buscar sua vontade, olhamos para os obstáculos a vencer e os momentos de dificuldade a suportar. Tememos, optamos por reclamar pelos obstáculos que se colocam diante de nós. Esquecemos a justiça de Deus, suas promessas, seu cuidado conosco e sua presença em nossa vida e na vida de nossa igreja.

         Creio que atualmente, passamos por situação idêntica ao povo de Deus neste episódio. Iniciamos o “Projeto Nova IPBUT”. Temos a nossa frente uma visão de uma “terra prometida” a dezoito anos atrás e que Deus tem nos dado a oportunidade de “tomar posse”. Não sejamos como o povo que não confiou, fitou o seus olhos nas dificuldades e sim confiemos nas promessas de Deus. Participe! Ore! Contribua! Todos nós fazemos parte deste projeto, deste sonho, desta promessa. Creiamos como Josué e Calebe e que nesta caminhada o “Senhor se agrade de nós!” e nos abençoe!

Mensagens dos Pastores

“Alegrai-vos sempre no Senhor; outra vez digo: alegrai-vos.” - Filipenses 4,4

Leia mais

 

“Está alguém entre vós sofrendo? Faça oração. Está alguém alegre? Cante louvores.” - Tiago 5,13
Leia mais