Tantas outras coisas - 08/04/2016

Rev. Marcelo Smargiasse

  Na verdade, fez Jesus diante dos discípulos muitos outros sinais que não estão escritos neste livro. Estes, porém, foram registrados para que creiais que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus, e para que, crendo, tenhais vida em seu nome. João 20, 30-31

 Há, porém, ainda muitas outras coisas que Jesus fez. Se todas elas fossem relatadas uma por uma, creio eu que nem no mundo inteiro caberiam os livros que seriam escritos. João 21, 25

Estas são as palavras finais do evangelho de João. Crê-se que a primeira faz parte do final original redigido por João. A segunda, talvez pela repetição dos temas da primeira, é o segundo final do evangelho colocado em data posterior por um outro discípulo leitor do evangelho.

Questões críticas à parte, olhamos para o seu ambiente: trata-se de um momento mor da cristandade, uma vez que ambos vêm depois de narrativas de visões de Jesus e de seus sinais.

As visões de Jesus ressuscitado são fatos primordiais na nova fé que ia se consolidando. A ressurreição de Jesus é tão importante que o Apóstolo Paulo gasta um capítulo inteiro falando sobre uma fé obsoleta e sem propósitos se ela não for real (1Co 15).

João narra-nos a aparição de Jesus aos discípulos, bem como também a desconfiança de Tomé que impõe condições para que pudesse crer. Apesar de estas condições serem desmerecidas por Jesus (felizes os que não viram, mas creram – v.29) elas cumprem o seu papel: mostrar que Jesus apareceu em carne e osso e que depois realizou muitos sinais diante dos discípulos.

É nesse momento que o evangelista mostra e esconde os feitos de Jesus. Há muito mais para dizer sobre Jesus; ele realizou muito mais ainda. E apesar de não se dizer nenhuma delas, João salienta que estes sinais narrados são para que creiamos.

Creio que João, enquanto encerra seu evangelho, deixa em aberto o que Jesus pode fazer. Certamente somos todos testemunhas do que Ele tem feito em nossos dias. Podemos não saber quais ou quantos sinais outros são aqueles referidos pelo evangelista. Na verdade não importa. Importa é que temos tantas outras coisas para falar de Jesus. A beleza destas palavras está no fato que cada discípulo de Jesus, que crê que Ele está vivo, pode olhar para a sua vida e perceber tantas outras coisas que Jesus faz. Que nesta semana possamos refletir sobre o que Jesus tem feito por nós.

Mensagens dos Pastores

“Alegrai-vos sempre no Senhor; outra vez digo: alegrai-vos.” - Filipenses 4,4

Leia mais

 

“Está alguém entre vós sofrendo? Faça oração. Está alguém alegre? Cante louvores.” - Tiago 5,13
Leia mais